CONTATOS
ATIVIDADES
INFORMATIVO
REFLEXÃO
AIBIG
LINKS

 "´VÁ A DEUS PRIMEIRO"

Extraído – João 3:16 – Max Lucado


“Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.” João 14:1

É a expressão de Jesus que nos intriga. Nunca vimos seu rosto assim.

Jesus sorriu, sim. Jesus chorando, certamente. Jesus servo, até isso.

Mas Jesus angustiado? Bochechas com sulcos deixados pelas lágrimas? Rosto inundado de suor? Arroios de sangue pingando de seu queixo? Você se lembra da noite.

“Jesus... pondo-se de joelhos, orava, dizendo: Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia, não se faça a minha vontade, mas a tua... E o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue que corriam até ao chão” Lucas 22:41-44.

Jesus estava mais que ansioso; ele estava com medo. Como é impressionante o fato de Jesus ter sentido medo. Mas que bom que ele nos contou sobre esse medo. Temos ten-dência de fazer o contrário. Encobrir nossos medos. Ocultá-los. Manter a palma suada de nossas mãos nos bolsos, nossa náusea e a boca seca em segredo. Não é assim com Jesus. Não vemos uma máscara de força. Mas ouvimos um pedido em busca de força.

“Pai, se queres, passa de mim este cálice.” O primeiro a ouvir o temor de Jesus é seu Pai. Ele poderia ter procurado sua mãe. Poderia ter confiado em seus discípulos. Poderia ter convocado uma reunião de oração. Tudo teria sido apropriado, mas nada disso era prioridade.

Como Jesus suportou o terror da crucificação? Ele foi primeiro ao Pai com seus temores. Tomou como exemplo as palavras do Salmo 56:3 “No dia em que eu temer, hei de confiar em ti.”

Faça o mesmo com seus medos. Não evite os jardins de vida do Getsêmani. Entre neles. Só não entre neles sozinho. E, enquanto estiver lá, seja honesto. É permitido esmurrar o chão. São permitidas as lágrimas. E, se você suar sangue, não será o primeiro. Faça o que Jesus fez; abra seu coração.

Rogério Bellan, Pr.

Site Map